Destaques


conheça os destaques

  • Desafios no Pará e na Amazônia

    A Sanches Tripoloni está participando da construção da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu, no Pará, perto da cidade de Altamira, a maior obra de infraestrutura em execução no Brasil, com 11.233 MW de potência instalada. A construtora é responsável pela construção de três diques de contenção destinados a reduzir a área inundada pelo lago da usina e trabalha com imensos volumes de aterro e escavação, em mais um grande desafio logístico e operacional.

    Na Amazônia, a construção das instalações de portos fluviais em nove municípios e a pavimentação de diversos trechos da BR-230 (Transamazônica), também impõe desafios particulares, numa região carente de acessos rodoviários e condições climáticas especiais.

    Os projetos, apesar de todas as dificuldades, combinam perfeitamente com o DNA da Sanches Tripoloni, de buscar as melhores soluções, onde quer que se localize o empreendimento.

  • Qualidade certificada

    Em maio de 2014, realizou-se mais uma auditoria externa de certificação da qualidade na Sanches Tripoloni e, novamente, a construtora foi recomendada pelo órgão certificador Bureau Veritas Certification em relação às normas ISO 9001:2008 e SiAC PBQP-H Nível A. A recomendação reforça o compromisso da empresa com a qualidade, a excelência dos serviços prestados e a sustentabilidade de suas atividades.

  • Parceria produtiva

    A Construtora Sanches Tripoloni e a prefeitura de Jaciara, no Mato Grosso, fizeram uma parceria destinada a qualificar a população local a assumir os novos postos de trabalho nas obras de duplicação da rodovia que vai da cidade, no entroncamento da BR-364 com a MT-457, até o início da Serra de São Vicente, com 71,6 km. O projeto Crescer, como foi denominado, iniciou-se em fevereiro de 2014 na Escola Marechal Rondon, com 60 alunos matriculados nos cursos de motorista e operador de veículos pesados. O programa profissionalizante tem duração de 200 horas.

  • Chova ou faça sol

    As obras de duplicação da rodovia BR-163/364, em Nobres, Mato Grosso, chamaram a atenção dos especialistas do setor não apenas pela sua importância regional, mas também por causa de um sistema inovador de construção utilizado pela Sanches Tripoloni. Trata-se do duto ventilado – ou “túnel de vento”, como também é chamado –, uma grande cobertura de lona plástica que, sem estrutura, é mantida inflada por ventiladores. Essa proteção permite que os trabalhos de duplicação e restauração das pistas se desenvolvam sem interrupções, mesmo sob chuva forte, como é comum na região em determinadas épocas do ano.

    O duto ventilado não requer fundações, pois é fixado por tubos metálicos e estacas, ou sacos de areia. O sistema permite que a estrutura seja deslocada à medida que o trecho da obra se complete, sempre seguindo em frente. A iniciativa, ainda em fase de aperfeiçoamento, representa, sobretudo, a disposição da Sanches Tripoloni de investir constantemente em novos processos, a fim de assegurar que os prazos da obra serão cumpridos, com máxima qualidade.

    Também na BR-163/364, a Sanches Tripoloni está utilizando equipamentos supermodernos, importados especialmente para projetos como esse, com o objetivo de construir o pavimento da rodovia em concreto, mais durável e seguro.

  • Sanches Tripoloni inaugura obra do contorno norte de Maringá

    Foi inaugurado no dia 10 de janeiro de 2014 mais uma obra realizada pela Sanches Tripoloni: o Contorno Norte de Maringá, em Maringá, Paraná. O contorno permite o desvio do tráfego rodoviário da BR-376, que hoje atravessa a área central da cidade.

    A previsão é que seja eliminado, diariamente, o trânsito de aproximadamente 22 mil veículos pesados. A obra tem 12 viadutos, três pontes, 12 passarelas para pedestres, uma trincheira, galerias fluviais, bases para iluminação ao longo de todo trecho e recuperação das marginais existentes. Além disso, facilita a interligação de importantes rodovias convergentes para a cidade, como a PR-317 (rota Norte-Sul), a PR-323 (rota Leste-Oeste-Sudoeste) e a BR-376 (rota Leste-Oeste-Noroeste).